domingo, 31 de julho de 2011

Negrumes

Fecho os olhos
Deixo que a respiração da angústia
Faça parte do cenário
Um homem de negro levanta o pano
Porque a peça vai começar

Ao contrário de ontem
Há mais negro para colorir
De todos os tons de branco
Um homem de negro levanta o machado
Porque é preciso matar a noite

2 comentários:

George Sand disse...

Muito bom!
Não conhecia o blogue

Mãe da Teresa disse...


a angústia vai fechar
porque a noite se levanta

para colorir o cenário
todos os tons de branco

um homem mata o negro
um homem que respira para todos